Músicas Evangélicas da semana

Cultos, rádios evangélicas e CD emprestados de meus irmãos; tenho ouvido muitos hinos evangélicos nos meus momentos de isolamento. Ultimamente, posso dizer, meus fones de ouvido tem sido uma companhia constante para mim, tanto para aprender mais (podcasts e leitores de textos que o digam) quanto para manterem os meus pensamentos longe e me desligar do mundo que me rodeia. Posso dizer que esquizofrenia, quando controlada, pode ser benéfico, enfim. Bom, vai em seguida algumas músicas que têm falado comigo nas últimas semanas:

Continue lendo “Músicas Evangélicas da semana”

Prestação de assistência religiosa a enfermos é lei.

A lei estadual 9515/92 prevê o livre acesso de ministro de qualquer culto a instituições “de internação coletiva, da rede hospitalar pública estadual e particular” para prestar assistência religiosa, a qualquer horário – desde que não atrapalhem as práticas do hospital, nem venham a ferir regras do mesmo. A lei, como se pode ver, não legisla sobre instituições federais nem municipais, e (como é uma lei estadula do RS) só vale dentro do estado. Uma lei assim era forte candidata a cair no esquecimento; tanto que o Deputado Roque Grazziotin (PT) prôpos novamente a mesma lei a ser aprovada em 1999 (veja o texto do Diário da Assembléia). Numa rápida busca, eu vi leis semelhantes (em alguns casos elas são iguais) nos municípios de São Leopoldo, São Borja, entre outros. Achei também páginas sobre capelania (obrigado ao site do SEMINÁRIO TEOLÓGICO BATISTA CAXIENSE), e tenho que manifestar a minha gratidão ao Sistema Legis, da Assembléia Legislativa, o único lugar onde eu encontrei esta lei.

Pai, perdoa-lhes, pois não sabem o que fazem…

Em plena quinta-feira santa temos a comemoração do principal feriado cristão: a Páscoa Cristã. Mercados lotados de esferóides (ovos são de aves; aquilo é mais próximo de um esferóide) de chocolate, pessoas felizes, almoços lotados de parentes no domingo. Mas você sabe o que está sendo comemorado? O que aconteceu na Sexta e no Domingo? Ou você acha que este é mais um feriado criado pelos burgueses? Posso jurar que ouvi mesmo este diálogo:
Continue lendo “Pai, perdoa-lhes, pois não sabem o que fazem…”